Reflexão!



Agora que o meu sorriso sucumbiu a uma lágrima,
Pode ser que um olhar me empreste a ternura do sonho
E então perceba que sonhar não é pecado e alimenta a alma!
Emudecer as palavras, regando-as apenas com a brandura dos gestos,
É disseminar a compreensão e arriscarmo-nos a ser felizes.
E já agora,
A luz que pende do sonho,
Não tem auréola de anjo e pode até ofuscar-nos,
Mas o que importa mesmo, é que ao acordar
Nos sintamos intactos e ávidos de vida!


9/06/2012
Ana Martins

*Direitos Autorais Reservados ®


50 comentários

  1. Nesses fusos horários, sinto-me duas, estando ao mesmo tempo no 8 e no 9, do mês 6...Além de tudo, saio com uma Reflexão, em linda composição, para fazê-la, na minha Cadeirinha, onde ainda é sábado.
    Isso, é um sonho, bem real...

    Boa semana, Ana
    Beijinhos,
    da Lúcia

    ResponderEliminar
  2. Oii amei seu cantinho, venha conhecer o meu, grande abraço.
    http://grandeigualdavi.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  3. Amiga Ana.Um bela reflexão de vida e sonho,mesmo que a lágrima visite tudo tentamos aconchegar.
    Beijos e bfs

    ResponderEliminar
  4. Um olhar pode dizer tanto!
    mesmo o 'TUDO'.
    Gostode olhar aspessoas nos iolhos, mesmo que desconhecidas, sempre gostei.
    um beijo.
    Onde está a resposta?

    ResponderEliminar
  5. @Pérola,
    A resposta está aqui, pois foi onde comentaste.

    Beijinho,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  6. Minha amiga os sonhos aliviam a nossa alma, mas é à realidade que nos devemos agarrar.
    Como sempre lindo!
    Bom restinho de sabado e um excelente domingo.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  7. Sentir-se com vida é importantíssimo sempre...Linda poesia!! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  8. As lágrimas e os sorrisos
    fazem parte do sonho
    e « o sonho comanda a vida »
    já dizia o nosso poeta António Gedeão
    em pedra filosofal. Gostei do seu cantinho
    e adorei a sua poesia. Um beijinho com amizade!

    ResponderEliminar
  9. Que lindo seu poema, fico encantada a cada passada aqui.
    Beijos
    Bom domingo
    Mary

    ResponderEliminar
  10. Uma lágrima muitas vezes nos liberta,,,nos faz extravasar e seguir em frente em emoções...beijos de boa semana pra ti amiga.

    ResponderEliminar
  11. Ana,maravilha de poesia!Sentir que estamos vivos é mesmo o mais importante!Bjs e bom domingo!

    ResponderEliminar
  12. Se ainda não se inscreveu, se inscreva para o sorteio,ainda da tempo. Vamos edificar a cada dia mais a nossa vida. Grande beijo
    http://grandeigualdavi.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  13. Minha querida Ana

    A imaginação é um ajuste de contas com o sonho...uma realidade por ser...a loucura de existir...a soma de todas as ilusões...o desvario da razão...como sempre sensível o que escreveste.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  14. é uma poesia terna, a sua

    arriscada a ser feliz


    um beijo, Ana

    ResponderEliminar
  15. Que seja eterno, enquanto dure... já dizia o poeta... e no ritmo do amor seja forma ele se mostre te convido amiga Anna para meu aniversário, o convite está na Ilha e aproveita para ir chatear no arraiá do meu chat :)... e viva a vida... beijos perfumados no coração.

    ResponderEliminar
  16. Entre o sonho e o acordar mora a esperança... Bjs

    ResponderEliminar
  17. Tive dias de nao estar bem,por isto nao vim te ver, agora estou um pouco melhor, e te mando muitos beijos voce tem coisas lindas aqui!

    ResponderEliminar
  18. "Mas o que importa mesmo, é que ao acordar
    Nos sintamos intactos e ávidos de vida!"

    Está tudo dito.
    Beijinho.
    JF

    ResponderEliminar
  19. Para que "ao acordar nos sintamos intactos e ávidos de vida" é absolutamente necessário "emudecer as palavras" agressivas e sobretudo "regá-las com a brandura dos gestos"
    Agora sim, está quase tudo dito.

    Adorei o teu poema, Ana.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Não nos fiquemos pelo sonho...
    Ele é importante, mas a sua realização também o é!
    Um poema de uma melancolia triste, mas ao mesmo tempo muito bela!
    Tu escreves muito bem... tu sabes ser Poetisa!
    Beijinhos,

    ResponderEliminar
  21. Ana minha querida
    Entre o acordar e o sentir ávidos existe um mundo se sensações à espera de ser descoberto.
    Bom fim de semana amiga

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  22. ANA
    como de costume
    excelentes pensamentos
    Obrigado pela partilha.

    UM OLHAR
    ou vários olhares
    para a minha divulgação de um evento para Junho:
    os vinhos.
    Não sei se és boa apreciadora,
    mas indo até Palmela poderás provar o famoso moscatel.

    Em Palmela
    Junho arranca com o
    Festival do Moscatel,
    a ocupar o Largo de São João de sexta a domingo.

    Mostra, prova e venda de Moscatel de Setúbal e Moscatel Roxo, inserida no programa Palmela - Cidade Europeia do Vinho 2012.

    E como se não bastasse a doçura do próprio vinho,
    serão conhecidas ligações do moscatel à doçaria,
    ao chocolate, à gelataria
    e haverá ainda oportunidade de pôr à prova a sua utilização em cocktails.

    No programa, ainda um lançamento especial:
    o dos Bombons de Moscatel de Setúbal.

    Nesta iniciativa, que contará com a presença de todos os produtores da Península de Setúbal,
    haverá também workshops,
    provas comentadas por enólogos, exposições e animação musical.

    O festival estreou-se em 2009 e volta agora numa organização conjunta da Câmara de Palmela,
    a Associação da Rota de Vinhos da Península de Setúbal/ Costa Azul e a Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal.

    O evento insere-se no programa de Palmela - Capital Europeia do Vinho 2012 e celebra também o centenário do Moscatel de Setúbal.

    ResponderEliminar
  23. Olá Ana.
    Este poema deixou-me com lágrimas nos olhos. Um poema que nos faz reflectir, e muito, sobre a importância que o sonho tem na nossa vida. Deixar de sonhar pode fazer-nos sucumbir ao desencanto em que tantas vezes a nossa vida se transforma.
    Nem sabe o quanto eu precisava de ler algo tão esperançoso!
    Bem-haja, por isso.
    Um beijinho e boa semana.
    Janita

    ResponderEliminar
  24. Vim deixar um beijinho,
    agradecer a visita e...
    matar saudades.

    Mas foi difícil encontrar o espaço para postar. tenho sempre dificuldade...mas...consegui

    beijos

    ResponderEliminar
  25. Boa tarde Ana,
    As tuas palavras emprestam-me sempre uma vivacidade e ternura que impressionam.
    Gosto de te revisitar e ver o que de novo as palavras me dizem.
    Um beijimho
    Vou passar revista ao quarto do Edu, esvaziei-lhe o roupeiro. Parecia uma pocilga.
    Se morrer de ataque de coração é por causa do stress que me cria. Até lhe bati, a este filho de quase metro e oitenta que fará 17 anos no dia 20. A sério que não sei que fazer e sinto-me mal, impotente e má mãe.
    Desculpa o desabafo, mas todos dizem que é normal e ainda tenho de dar graças por não se meter na droga.
    Por este andar quem se mete na droga, sou eu. Mais um filho assim e não aguento.

    ResponderEliminar
  26. Meus queridos amigos,
    Venho pedir muita desculpa de não responder
    Como de costume, um comentário a cada um de voz
    Que com Tanto carinho me vistão.
    E me acolhem em vossos corações, desde a última postagem
    Que me tenho encontrado acamada os medicamentos
    Matam mais do que curam.
    Então eu tenho sido modos que uma cobaia do meu
    Médico, até que ele acerte volta e meia lá fico eu de cama.
    Tudo isto meus amores, para justificar a razão de minha
    Ausência, não é preguiça, nem má vontade, é simplesmente
    Mesmo por falta de bem-estar.
    Tudo de bom em vossas vidas e os meus beijinhos de luz e paz.

    ResponderEliminar
  27. Ana, um poema que além de reflectivo nos obriga a não desistir!
    LINDO!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  28. Anjo!!! O bom de sermos amigos é que não importa como somos , o que fazemos ou onde estamos;
    O que importa mesmo é sabermos que somos amigos e que a nossa conexão é mantida pelo pulsar do nosso coração !!
    Uma linda tarde do dia dos namorados muito amor no coração.
    Obrigada pelo carinho pela presença constante
    no meu blog minha linda amizade.
    Beijos saudades receba meu carinho.
    Evanir..Tem presente na postagem ..

    ResponderEliminar
  29. Olá Ana,
    Depois de ler teu poema, não há como não esperar num novo acordar, a alegria de se poder dizer “Bom dia, DIA” e obrigado pela chance de recomeçar.
    Uma óptima semana com saúde e alegria.
    Beijo e Kandandos a atravessar tanto mar.

    ResponderEliminar
  30. Olá Ana,
    Bela sua mensagem, e isso é mesmo o que importa, é que ao acordar
    Nos sintamos intactos e ávidos de vida!
    Grande abraços!

    ResponderEliminar
  31. Olá, Ana!

    Bonito pensamento, que aqui connosco partilha; ao fim e ao cabo, o que de facto mais conta na vida é que nela encontremos um propósito, algo que lhe dê sentido.Só assim merece ser vivida.

    Beijinhos; boa semana
    Vitor

    ResponderEliminar
  32. Oiii , tudo bem ?! Feliz dia dos Namorados, que Deus abençoe todas as áreas de sua vida. Grande abraço
    http://grandeigualdavi.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  33. Olá Ana!
    Fica-me sempre preso o olhar no nome, depois de mãe, mais bonito do mundo - ANA!
    A poesia é ainda uma ave com asas onde o pensamento sobrevoa as agruras da vida.
    Um beijinho, amiguita!

    ResponderEliminar
  34. Sonhos são mesmo grande alimento para a alma.
    Bela postagem, Ana.

    bjs

    ResponderEliminar
  35. Querida amiga Ana Martins,


    Quanta ternura na poesia e quanta sabedoria nos versos!

    "Mas o que importa mesmo, é que ao acordar
    Nos sintamos intactos e ávidos de vida!"

    É verdade minha amiga.


    Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  36. ...Ana poeta querida,
    encanto-me neste teu canto, e então deixo bjs neste lindo coração!

    ResponderEliminar
  37. Oi flor, te achei na blogosfera...
    Ameiii seu bloguinhooo ")

    Tô te seguindoo..

    Me visita tbm, vou adorar.
    http://lidiepaulo.blogspot.com.br/]

    Beijocas :*
    Ótima 5ª Feira ")

    ResponderEliminar
  38. Boa noite minha poetisa arretada !
    Está aqui e lendo seu poema na integra.Que posso dizer para vc que é um símbolo de capacidade e sensibilidade...poema reflexivo com um conteúdo cativante.
    Bjs minha linda !

    ResponderEliminar
  39. Hola Ana, ¡¡hermoso texto!!, un placer leerte.
    feliz fin de semana.
    un abrazo.

    ResponderEliminar
  40. *
    Amiga,
    porque será.
    que um brilho no olhar
    ou um inseguro gesto de dedos
    violando a beleza de um penteado,
    valem mais do que as palavras ?
    ,
    marés de gestos,
    deixo-te,
    *

    ResponderEliminar
  41. Um poema belissimo e radiante!

    Parabens por todos!

    Lindos!

    Beijos1

    ResponderEliminar
  42. Boa tarde,querida Ana!
    Como sempre é um prazer refletir nas tuas reflexões.
    Tranquilas,serenas, expressivas até nas releituras das mesmas.
    Um enorme prazer!
    Posso utilizar um poema teu num dos meus posts com as devidas referências?
    Ando a pensar nisto há algum tempo. És uma fonte de inspiração.
    Sente-te à vontade para declinares o meu pedido. entender-te-ei!
    Um beijo e as melhoras do pequenote.

    ResponderEliminar
  43. @perolazita, boa noite!
    Claro que podes, sinto-me até lisonjeada com isso!
    Obrigada.

    Beijinho,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  44. Ana, continuar a sonhar, que é o mesmo que continuar a acreditar, faz a diferença. A vida não é facil para ninguém e se perdemos o optimismo nunca deixaremos de chorar e entretanto estamos de braços cruzados e nada muda. Beijinhos

    ResponderEliminar
  45. Sonhar é viver.
    Gostei muito da tua reflexão.
    Fizeste um excelente poema.
    Ana, minha querida amiga, tem um bom resto de semana.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  46. Sonhar é preciso sempre...com lágrimas ou sem elas.Deixarão sulcos no rosto onde é possível colocar a semente da felicidade.
    Beijos
    Graça

    ResponderEliminar
  47. Parabéns pelo blogue!
    Nunca tinha navegado num com uma apresentação tão original, embora me tenha perdido e para os comentários tenha vindo parar ao wordpress.
    Já respondi ao comentário que fez no “Alegrias e Alergias”. No 7º e no 8º anos, em princípio, aquele disparate que ot exto retrata não está para já a ser tão profundo… Para já!!! Lá explico melhor.:(
    Obrigada pela visita.
    Beijinhos
    Margarida

    ResponderEliminar
  48. Chove copiosamente na ilha
    Chora este céu carregado de bruma
    O mar é negro como algumas verdades
    É de mentira, todas as lágrimas soltas na espuma

    Vi uma buganvília triste
    Um homem a grunhir como animal
    Uma mulher perdida a beber caída
    Vi no horizonte da rua um erro fatal…

    …E vi o mal
    Construir um castelo de cartas desbotadas
    Uma Flausina de sorriso falso
    Que abre o corpo numa brincadeira de “às apanhadas”

    Mágico beijo

    ResponderEliminar
  49. Ana,belíssima reflexão e ao mesmo tempo uma interpelaçao profunda.Beijinhos.

    ResponderEliminar